Nesses momentos Jesus em que nos sentimos isolados no mundo, quando a convivência social e familiar se nos parece tão difícil, quando a incompreensão, o descaso, e a injúria nos fazem sentir a solidão em nossa volta, é que percebemos intensamente a necessidade do seu amor e da proximidade dos bons espíritos que nos possam ajudar, pois em nossas imperfeições ainda sentimos imensa dificuldade no conviver, em aceitar os irmãos e as ocorrências da vida como sendo próprias do nosso grau evolutivo, natural ainda em nosso viver e perdemos a oportunidade da paz e tranqüilidade em nossas vidas. Ampara-nos Mestre auxiliando nosso entendimento de forma a se instalar em nós a compreensão necessária para aceitarmos nossos irmãos do caminho como são, aguardando com tranqüilidade o concurso do tempo no burilamento do campo íntimo de cada um no sentido do progresso e do bem viver, que possamos por nossa vez, também procurar, sem ferir nossos sentimentos mais íntimos, atitudes mais afeitas ao amor à solicitude, à harmonia do conviver familiar e social, criando em torno de nós os benfazejos eflúvios de simpatia e afeição. Permita Amigo das esferas superiores que nossos corações tão afeitos aos impulsos do passado quando ainda estagiávamos mais próximo das esferas da animalidade, e se satisfazia com o revide e o rancor, possa agora com mais compreensão da vida, do seu evangelho, e das leis de Deus, ater-se à sabedoria maior, mantendo nossas intenções e atitudes ligadas nos sentimentos sublimes das esferas superiores, buscando assim as práticas do bem, e do perdão, permanecendo nossos sentimentos elevados fazendo nossas vidas mais felizes. Que possamos vigiar também nossas atitudes, buscando sempre esses momentos de prece para o fortalecimento do nosso ser, no sentido de não sermos nós os pontos de discórdia e sim o fator de união, espalhando alegrias, fazendo felicidades, promovendo o bem estar, criando a paz, faze-nos Mestre os artífices da harmonia, da união e do entendimento, pois sabemos por orientação do seu infinito amor, que somente seremos felizes quando tivermos aprendido a fazer a felicidade à nossa volta. Muito obrigado pelo Seu infinito AMOR. Assim seja. Moises.