A felicidade nada mais é que uma forma emocional, melhor ou pior de se posicionar perante os fatos da vida, por isso observe os fatos focando os ângulos favoráveis e escolha sempre ser feliz. A felicidade ou tristeza são normalmente, e por incrível que possa parecer, o reflexo da nossa vontade a determinada ocorrência de nossa vida ou em razão de alguma aspiração não alcançada ou desilusão ocorrida, dirigida de forma positiva ou negativa pelo nosso campo íntimo. É uma decisão tomada, num momento específico, que pode ser mudada conforme nosso discernimento e força de vontade podemos ser felizes, se quisermos. Não nos parece numa análise superficial, mas a realidade é que a felicidade é o resultado de uma decisão íntima, tomada num momento de nossa vida e que vai se refletir no futuro, como fonte de bem estar ou prazer, mal estar ou tristeza conforme a direcionarmos, assim, nos decidimos e passamos a ter atitudes e emoções direcionados para o fim definido modificando nossas disposições interiores facilitando ou dificultando nossa vida. Supondo que em dado momento de nossa vida temos saúde, equilíbrio social, financeiro e conforto na vida material. Num revés da nossa existência perdemos essa tranqüilidade, passando a conviver com alguma privação e eventual desconforto, surge um momento que inconscientemente tomamos uma decisão, ou passamos a nos sentir indefinidamente infeliz julgando que a sorte nos abandonou não encontrando razão para viver, cultivando depressão, tristeza e revolta no campo íntimo, ou podemos decidir pela felicidade, procurando reagir, viver da melhor maneira que a nova situação nos colocou, nos esforçando para retomar nosso equilíbrio, procurando o lado bom das situações mesmo que não sejam as que gostaríamos de estar vivendo, vivenciando novas etapas, procurando o bem e seguindo a paz. Afinal, de cabeça baixa ou erguida, a vida continua, procurando vivenciar as alegrias ou tristezas em nossos corações, a vida continuará seu curso da mesma maneira, sendo assim, escolhamos a felicidade desse momento e o futuro chegará sempre com novas oportunidades para vivenciarmos novas emoções e devemos nos lembrar, ainda, que se existem inúmeras pessoas que sempre viveram como vivemos hoje e conseguem ser felizes, nós também podemos se nos decidirmos a isso. Atrapalhando a sensação de felicidade, temos a tendência natural de colocarmos numa realização futura a concretização da felicidade em nós, são os casos das aspirações, programações para o futuro, quando esperamos algo que nos parece bom e que o futuro nos trará, de certa forma, isso nos ajuda a viver melhor, mas o problema consiste que em que nossa satisfação dura pouco e, logo depois da euforia momentânea da realização desejada, programamos outra aspiração futura e jogamos para lá nossa felicidade, adiando indefinidamente a sensação de alegria perene. O homem seria mais feliz se vivesse o momento atual, com as alegrias desse momento do modo que a vida se apresenta, sendo feliz enquanto espera o futuro e as novas realizações. Muito se fala nas desilusões, nas traições, nas perdas irremediáveis, como perturbadoras de nossa felicidade, mas a felicidade é uma construção íntima que somente pode ser erguida por cada individualidade, no íntimo de cada ser e nada poderá abalá-la se for erigida com bases sólidas e conscientes, pois tudo como também o amor, por exemplo, é eterno enquanto dura, ou enquanto cultivamos a mágoa no coração, se buscássemos nos reposicionar intimamente após cada ocorrência logo nos recomporíamos, dando a volta por cima e vivendo melhor, se perdemos um amor a cura virá com outro amor e logo o sentiremos tão forte quanto o outro, ou podemos então ser eternamente infelizes decidindo que jamais encontraremos outro amor como aquele, não se expondo a novas oportunidades, vivenciando tristezas e mágoas no coração, como se a vida não nos trouxesse sempre novo sol após as chuvas, a decisão será sempre do íntimo de cada um. O momento de ser feliz é agora, queremos, precisamos e podemos ser felizes hoje, seja então feliz como você é, como você está, com o que você tem, somos herdeiros do universo, temos direito de estar aqui, e ser como somos, então viva a vida com alegria, solte-se, sorria, seja você mesmo, impondo seu direito de ser, se no futuro melhorar ainda, ótimo, mas o importante é o que vivemos neste momento. Por isso seja feliz antes, durante e sempre, escolha ser feliz, sinta-se feliz agora e viva em paz. Moisés Rossi.